Pense numa moto exclusiva: ela pode se chamar 1299 Superleggera. A superesportiva da Ducati é uma jóia rara e terá apenas 500 unidades produzidas. Não é para menos: seu preço no Brasil é de nada menos que R$ 550 mil, valor que equivale ao preço de um Porsche Macan, por exemplo.

É por isso que, das 500 unidades, apenas três Ducatis serão vendidas no país. A marca italiana, inclusive, negocia as três motos por pré-venda e é provável que os futuros proprietários já as tenham reservado neste momento.

Mas o que faz a 1299 Superleggera tão especial? Um dos motivos está no uso intensivo de fibra de carbono, material composto altamente resistente e leve. Ele é usado não apenas no quadro, mas em outras partes como no braço oscilante subquadro e até nas rodas, o que torna a primeira moto de série no mundo com essas características.

Não bastasse isso, ela vem equipada com um motor de dois cilindros com 215 hp e uma sorte de auxílios eletrônicos que inclui uma unidade inercial de seis eixos capaz de controlar tração, deslizamento, frenagem e partida, entre outros.

Para ficar com uma das três motos, que serão entregues no segundo semestre, é preciso desembolsar um sinal de R$ 55 mil. Mas veja só, os compradores ganharão de brinde um macacão Ducati Corse!

 
 
 
 
Ricardo Meier

 

Ricardo Meier |