A Indian Motorcycle deve fazer sua estreia no mercado brasileiro durante o Salão Duas Rodas, que acontece entre os dias 7 e 12 de outubro. No evento, a montadora vai apresentar os modelos Scout, Chief Classic, Chief Vintage, Chieftain e Roadmaster, que estarão disponíveis por aqui a partir deste ano. As cinco motocicletas serão produzidas em parceria com a Dafra em Manaus (AM).

“As Indian são motos com excelente ciclística, alto nível de tecnologia e acabamento, além de muito conforto. Não viemos para brincar. Estamos tratando o mercado brasileiro com muita seriedade e respeito. Acreditamos na qualidade e potencial de nossos produtos”, analisa Rodrigo Lourenço, diretor geral da Polaris do Brasil.

De início, a Indian vai comercializar suas motocicletas em concessionárias nas cidades de São Paulo (SP), Rio de Janeiro (RJ), Belo Horizonte (BH), e Florianópolis (SC), que contarão com showroom de produtos e oficinas completas. Para 2016, a fabricante espera inaugurar mais quatro lojas. A expectativa é comercializar mil exemplares.

 
 
 
 

O “carro-chefe” da Indian será a Scout, representando pouco mais de 50% do volume de vendas da fabricante. A motocicleta é equipada com um motor V12 de 1.133 cc e refrigeração líquida e vai bater de frente com a Harley-Davidson Iron 883, com preço na casa dos R$ 40 mil (cerca de 10% mais cara que sua rival direta).

As demais motocicletas irão concorrer com as linhas Dyna, Softail e Touring da Harley, além de modelos japoneses, como a Honda Gold Wing 1800, Suzuki Boulevard e Yamaha Midnight Star 950.
 

Redação

 

Redação |

Veja mais notícias da marca