Os rumores que apontavam uma novidade no segmento autônomo pela Honda se confirmaram. A marca japonesa revelou durante a CES, maior feira de tecnologia do mundo, o sistema Riding Assist, capaz de, vejam só, equilibrar uma moto em baixas velocidades ou mesmo parada.

O recurso, que herdou tecnologias testadas no robô Asimo e na scooter Uni-Cub, consegue evitar que a moto caia em velocidades de até 5 km/h. Ou seja, quando o piloto está parado no semáforo, por exemplo, ou então, manobrando.

Mas como a Honda consegue mantê-la equilibrada? A surpresa é que o protótipo (veja o vídeo abaixo) não vem equipado com um giroscópio, equipamento capaz de perceber mudanças de posição e considerado muito pesado para uma moto, mas sensores que movimentam o guidão para esquerda ou direita e que aumentam o entreeixos da moto, conforme percebe que ela está tendendo para algum lado – algo semelhante a um ciclista que se equilibra em baixas velocidades.

E não é só: a Honda também equipou o modelo de teste com o modo ‘Follow’ (siga). Por meio de um botão, a moto se movimenta sozinha, atrás do seu proprietário. Por enquanto, a tecnologia está longe das ruas, mas pelo impacto que terá não é difícil imaginá-la chegando às futuras motos da marca. Não vai falta torcida.

Ricardo Meier

 

Ricardo Meier |

Veja mais notícias da marca