A legislação ambiental Euro IV tem feito muitos fabricantes de motos reverem a viabilidade de manter seus modelos esportivos de 600 cc. A Honda, com a CBR600RR, e a Triumph, com Daytona 675, já teriam jogado a toalha e desistido de atuar no segmento, mas para outras esse mercado ainda vale a pena.

É o que se imagina ao ver a imagem acima, da suposta Yamaha R6 2017. Sexta geração do modelo, lançado originalmente em 1999, ela significa a maior mudança desde a atual geração, revelada em 2008. Se a foto for verdadeira é possível afirmar que a Yamaha se inspirou na R1 para conceber a nova R6.

O tanque de combustível, traseira assim como a aerodinâmica lembram muito a R1. A potência estimada da R6 é de 130 cv, mas a confirmação de que ela será lançada só deve ocorrer no final do ano.

Ricardo Meier

 

Ricardo Meier |