A Suzuki já oferece em sua linha nacional a nova V-Strom 650 XT, versão com apelo aventureiro da V-Strom 650, apresentada durante a última edição do Salão de Colômbia. A moto tem preço sugerido de R$ 34.920 e vai fazer frente a também japonesa XTZ 660 Ténéré, da Yamaha, disponível por cerca de mil reais a menos.

O novo modelo da linha V-Strom se diferencia pelos faróis duplos com pontas triangulares e o para-lama com formato “bico de pato”, que lembra a versão 1000. Há ainda novas rodas raiadas de alumínio, com 19 polegadas na dianteira e 17 na traseira, que são mais leves e apropriadas para o uso off-road e contam ainda com pneus sem câmara, que desinflam mais devagar no caso de algum furo.

O motor que equipa a nova Suzuki V-Strom 650 XT é um dois cilindros em “V” de 645 cm³, capaz de desenvolver 69 cavalos de potência, a 8.800 rpm, e 6,12 kgfm de torque, a 6.400 rpm, que trabalha junto com um câmbio de seis marchas.

 
 
 
 

Na ciclística, a Suzuki oferece disco duplo dianteiro de 310 mm de diâmetro e único traseiro de 260 mm na traseira, com sistema ABS de série. A suspensão traz garfo telescópico de amortecimento hidráulico, mola helicoidal, com ajuste de pré-carga da mola na dianteira, e balança do tipo link de amortecimento hidráulico, com ajuste de pré-carga da mola, ajuste de forças de retorno e compressão na traseira.

O peso em ordem de marcha da V-Strom 650 XT é de 214 kg, ou seja, apenas 1 kg a mais que a versão convencional da V-Strom 650. As medidas, como a altura do assento de 83,5 cm, além do tanque de combustível com capacidade para 20 litros, são os mesmos.

A nova Suzuki está disponível nas cores cinza fosco, branca, vermelha e azul. 

Redação

 

Redação |