Como uma das mais puras representantes do conceito naked, a Yamaha MT-07 dá ao piloto uma sensação tão grande de controle e segurança, que, se você não exagerar na dose corre o risco de ver o ponteiro do velocímetro transgredindo os limtes de velocidade...

Muito rápida nas acelerações e retomadas de velocidade, a Yamaha MT-07 pede atenção na hora de movimentar a mão direita no acelerador. A posição do piloto projetado para a frente da moto e logo acima do motor, ajudando a melhorar o centro de gravidade, deixa a MT-07 “na mão” e a vontade de ultrapassar limites aguça para uma pilotagem mais agressiva, afinal o “Dark side of Japan” (lado negro do Japão), como diz o slogan da motocicleta, chama você para isto.

MOTOR

É o que mais chama a atenção na MT-07. O bicilíndrico de 689 cm³, 4 tempos, com refrigeração líquida e duplo comando de válvulas no cabeçote, entrega uma potência máxima de 74,8 cv a 9.000 rpm e responde muito bem aos comandos do piloto. Destaque na MT-07 vai para a tecnologia crossplane, que confere uma transferência de potência mais uniforme entre o motor e rodas e é muito utilizado em motores de competição. Esté é um dos motivos que vai agradar quem gosta de uma moto esportiva, que é o caso da MT-07, tanto que, para que a roda dianteira da MT-07 saia do chão, basta engatar a primeira subir o giro. O resultado é imediato. Existe o inconveniente no sistema crossplane de funcionar de maneira menos equilibrada, o que faz o propulsor vibrar mais e produzir um som mais forte.

DESIGN

O design é outro ponto de “desrespeito” para a lei natural das coisas. O visual invocado agrada a maioria dos gostos com farol poligonal, duas entradas de ar junto ao tanque, traseira com assento bipartido, lanterna de LEDs e o escapamento curto reforçam este conceito. Mesmo assim, o motor é parte de maior destaque no visual do conjunto, chamando para si o item de maior atenção para quem olha a moto sobretudo na parte lateral.

O painel de instrumentos é totalmente digital, contemplando informações como conta-giros, computador de bordo com média de consumo, hodômetros total e parcial, indicador de marcha engatada, além de controle de intensidade de iluminação. Durante a avaliação do MOTOO, constatamos que é mais interessante regular as luzes do painel na intensidade média, a qual torna-se muito agradável para o uso diurno e noturno, além da visualização do relógio. Um ponto negativo, contudo, fica para o botão da buzina. Ao invés do interruptor retangular, foi colocado um interruptor redondo mais à direita, o que dificulta o acesso. Como utilizamos a buzina geralmente com a embreagem acionada, o polegar fica longe do botão.

SUSPENSÃO

A MT-07 é uma moto leve e compacta, muito prática e versátil para o trãnsito urbano. As pernas abraçam facilmente o tanque o que dá ao piloto a sensação de uma moto menor, facilitando com isto algumas mudanças de direção mais rápidas. Já em altas velocidades, esta leveza e o tamanho compacto da MT-07 sacrificam um pouco a estabilidade, obrigando uma atenção maior do piloto.

A suspensão dianteira é composta por garfo telescópico convencional de 130 mm de curso, enquanto a roda traseira é sustentada por uma balança monoamortecida com 130 mm de curso e a opção de nove ajustes na pré-carga da mola. O conjunto funciona bem, com respostas rígidas para contornar as curvas e macias para encarar a irregularidade dos trechos urbanos. Um detalhe a observar: nos trechos urbanos ou com garupa, é importante configurar a mola traseira de uma forma pouco mais rígida, pois facilmente o escapamento pode raspar no chão. 

FREIOS

Prontos para suportar tudo que a modo entrega, o sistema é composto por dois discos de 282 mm de diâmetro na dianteira com pinça duplas e um disco para a roda traseira com 245 mm de diâmetro, nesse caso com pinça simples. A MT-07 sai de fábrica com sistema ABS, recurso importante para garantir uma frenagem segura.

CONSUMO

O consumo da MT-07 durante nossa avaliação em uma pilotagem mais tranquila ficou em torno de 22 a 23 km/l, mas pilotando de forma esportiva em uso rodoviário as médias caíram para a casa de 18 a 19 km/l. Nesse caso a economia e a autonomia ficam comprometidos, já que a capacidade do tanque é de 14 litros.

O modelo testado por nós foi uma MT-07 ABS 2017 na nova cor Extreme Yellow (amarela). A Yamaha MT-07 tem preço sugerido de R$ 31.690 e também pode ser encontrada nas cores Matt Silver (prata fosco metálico), Magma Red (vermelho metálico) e Matt GRey (cinza fosco metálico).

BANCO DO GARUPA

Nota 7 – “Quem já andou na garupa de uma moto naked sabe que não tem jeito: vamos sempre encontrar o inconveniente dos bancos pequenos e pedaleiras altas. Porém, no caso da MT-07, existe a possibilidade de um modelo de banco conforto, mais largo e macio. Vale a pena instalar o acessório se você vai pegar uma carona na MT-07.” - opinião de Alessandra B. Lazzari 

 
 
Yamaha MT-07 2017
 
Yamaha MT-07 2017
Yamaha MT-07 2017
Yamaha MT-07 2017
 
Yamaha MT-07 2017
Yamaha MT-07 2017
Yamaha MT-07 2017
 
Yamaha MT-07 2017
Yamaha MT-07 2017
Yamaha MT-07 2017
 
Yamaha MT-07 2017
Yamaha MT-07 2017
Yamaha MT-07 2017
 
Yamaha MT-07 2017
Yamaha MT-07 2017
Yamaha MT-07 2017
 
Yamaha MT-07 2017
Yamaha MT-07 2017
Yamaha MT-07 2017
 
Yamaha MT-07 2017
Yamaha MT-07 2017
Yamaha MT-07 2017
 
Yamaha MT-07 2017
Yamaha MT-07 2017
Yamaha MT-07 2017
 
Yamaha MT-07 2017
Yamaha MT-07 2017
Yamaha MT-07 2017
 
Yamaha MT-07 2017
Yamaha MT-07 2017
 
 

Ficha técnica – Yamaha MT-07 ABS

Preço: R$ 31.690

Motor: bicilíndrico, 689 cm³, DOHC, 4 tempos, refrigeração líquida
Diâmetro e curso: 80 mm x 68,6 mm
Taxa de compressão: 11,5:1
Potência: 78,4 cv a 9.000 rpm (gasolina)
Torque: 6,9 kgfm a 6.000 rpm (gasolina)
Alimentação: injeção eletrônica

Transmissão: 6 marchas

Sistema de Partida: elétrico

Chassi: diamond
Suspensão dianteira: garfo telescópico com 130 mm de curso
Suspensão traseira: Balança monoamortecida com 130 mm de curso e ajuste na pré-carga da mola

Freio dianteiro: disco duplo de 282 mm de diâmetro com pinça de pistão duplo
Freio traseiro: a disco, com de 245 mm de diâmetro

Pneu dianteiro: 120/70 aro 17”
Pneu traseiro: 180/55 aro 17”

Comprimento: 2,08 m
Largura: 74,5 cm
Altura: 1,09 m
Distância entre-eixos: 1,40 m
Distância mínima do solo: 14 cm
Altura do assento: 80,5 cm

Peso: 182 kg
Capacidade do Tanque: 14 litros 

 

José Luiz Lazzari |