5 tecnologias para motos que vão se tornar mais populares em 2021

Mais eletrônica embarcada e itens de segurança para o piloto. Confira o que deve chegar no ano que vem
BMW Motorrad Active Cruise Control (ACC)

BMW Motorrad Active Cruise Control (ACC) | Imagem: Divulgação

Apesar de 2020 ter sido conturbado por conta da pandemia, o setor de duas conseguiu manter um certo ritmo de lançamentos de modelos inéditos. Além de precisarem atender a regras de emissões de poluentes cada vez mais rígidas, as montadoras estão de olho em conectividade e segurança para suas motos. Confira as tecnologias que devem aparecer cada vez mais no ano que vem:

Tecnologias para 2021

Calça com airbag

Você já deve ter ouvido falar de jaquetas para motociclistas equipadas com airbag. A tecnologia minimiza os danos aos membros superiores do piloto, sendo capaz de identificar uma queda e se inflando automaticamente para aumentar a proteção. No entanto, uma empresa francesa chamada CX Air Dynamics apostará em uma tecnologia similar para as calças. Assim, o corpo inteiro pode ficar coberto por airbags em caso de tombos.

Calça com airbag da CX Air Dynamics
Calça com airbag da CX Air Dynamics
Imagem: Divulgação

Capacetes inteligentes

O conceito de um capacete inteligente não é exatamente novo, mas deve ganhar tração no ano que vem. A startup francesa Kosmos anunciou que lançará seu “Smart Helmet” em 2021. A ideia é ter uma segunda luz de freio no próprio capacete. Com isso, também pode se criar um alerta luminoso de sinalização em caso de acidentes. O equipamentos ainda contará com Bluetooth e intercomunicador.

Saiba mais: confira as motos que chegarão ao Brasil em 2021

Outra startup que deve lançar um capacete inteligente no ano que vem é a norte-americana Cranium. O produto chamado de iC-R, porém, deverá contar com mais tecnologias. Entre elas estarão monitor de ponto cego, viseira com escurecimento automático, head-up display, ligação automática para serviços de emergência em caso de acidente e até um filtro de ar.

Capacete iC-R da Cranium
Capacete iC-R da Cranium
Imagem: Divulgação

Sistemas de radares

Como já foi visto na Ducati Multistrada V4 e na nova BMW R 1250 RT, a tecnologia de radares deverá se popularizar nas motos em 2021, assim como já acontece com os carros. Nas duas motos, os sensores permitem o uso de itens de segurança e de comodidade, como monitor de ponto cego e até controle de cruzeiro adaptativo, onde a moto pode acelerar e frear sozinha para manter distância dos veículos à frente.

Sistema de radares e controle de cruzeiro adaptativo da BMW
Sistema de radares e controle de cruzeiro adaptativo da BMW
Imagem: Divulgação

Suspensão Skyhook da Showa

O conceito da suspensão Skyhook da Showa parece utópico: fazer com que a moto pareça estar suportada por um gancho no ar. No entanto, combina os sistemas de GPS e de amortecedores adaptativos para antecipar obstáculos no trajeto, além de curvas e mudanças de elevação. Com isso, vai parecer que a moto “não sente” os buracos. A tecnologia já apareceu na Ducati Multistrada V4 e a Kawasaki anunciou o equipamento para suas motos em 2021.

Funcionamento da suspensão Skyhook da Showa
Funcionamento da suspensão Skyhook da Showa
Imagem: Divulgação

Painel de instrumentos digital como nos carros

A ideia de se ter um painel de instrumentos digital nas motos não é nova. Mas, até hoje, os sistemas são simples, no máximo sendo coloridos ou tendo um layout de informações fixo. A Bosch anunciou que em 2021 lançará um equipamento com a mesma tecnologia dos carros para os modelos de duas rodas. Além de rápido e colorido, permitirá o uso de tela divida, podendo manter ao mesmo tempo o velocímetro e informações de GPS, por exemplo.

Display digital da Bosch para motos
Display digital da Bosch para motos
Imagem: Divulgação
Assine a newsletter semanal do AUTOO!