BMW apresenta atualizações para a G 310 R e a nova S 1000 R

G 310 R ganha melhorias pontuais, enquanto a prima maior é totalmente renovada
Nova BMW G 310 R

Nova BMW G 310 R | Imagem: Divulgação

Novidades importantes envolvendo a linha BMW. A marca alemã apresentou nesta semana um pacote de atualizações para a G 310 R e uma evolução completa e mais profunda para a S 1000 R.

Começando pela menor “Dynamic Roadster” da marca alemã, um aprimoramento importante para a G 310 R vai para o motor monocilíndrico de 313 cm3, que agora torna-se homologado para atender as normas de emissões Euro 5.

Tecnicamente, o propulsor segue inalterado, oferecendo injeção eletrônica, arrefecimento a líquido, cabeçote com 4 válvulas, entre outros pontos. Para melhorar as respostas da G 310 R, a BMW trouxe ao propulsor o chamado “electronic throttle grip”, um controle eletromotriz para o acelerador que proporciona respostas mais sensíveis aos comandos do piloto. Uma nova embreagem também foi adicionada à G 310 R e o motor traz ainda uma função que aumenta, de forma automática e quando necessário, as rotações do motor em marcha-lenta para evitar paradas repentinas.

A potência segue em 34 cv, porém agora em 9.200 rpm e o torque máximo é de 2,9 kgfm nas mesmas 7.500 rpm do modelo atual.

No visual, a G 310 R atualizada passa a contar com um novo conjunto de iluminação full-LED, contemplando os fachos alto e baixo do farol além da iluminação diurna em países onde a solução é obrigatória por lei. As luzes de direção também passam a contar com a mesma tecnologia dos diodos emissores de luz. 

Nova BMW G 310 R
Nova BMW G 310 R
Imagem: Divulgação

A BMW trouxe para a G 310 R uma nova opção de cor, a Polar White, que junta-se à Cosmic Black e à Limestone Metallic. Em sua variante Sport, o modelo conta com o R em destaque na cor vermelha aparecendo nos painéis laterais, na estrutura da moto e nas rodas. Com a atualização visual, a G 310 R também passa a contar com alguns detalhes na cor Titanium Grey Metallic, como pode ser visto no apoio para os pés, alça traseira, entre outras partes da moto.

Para facilitar a pilotagem e também trazer ganhos na ergonomia, a nova G 310 R recebeu ajustes em quatro níveis para as alavancas de freio e embreagem. Segundo a BMW, a novidade ajuda quem tem mãos menores e o manete de freio, por exemplo, pode ficar até 6 mm mais perto do guidão se comparado com a G 310 R atual.

Nova S 1000 R

Já para a superesportiva S 1000 R o catálogo de aprimoramentos é bem mais extenso.

A Dynamic Roadster, como prefere a BMW, de maior porte passa a contar um chassi completamente novo, baseado na tecnologia Flex Frame presente na S 1000 RR. Ele é “consideravelmente mais leve” em relação ao quadro aplicado na geração anterior da S 1000 R, explica a BMW, e oferece uma série de benefícios graças ao seu design mais estreito.

A fabricante explica que o novo chassi reduz consideravelmente a largura da motocicleta na área de contato do joelho do piloto com o solo, oferecendo assim uma posição de pilotagem mais relaxada com ainda mais liberdade de movimento. O guidão ajustável também permite que o piloto faça adaptações ergonômicas. Duas posições já estão disponíveis como padrão: 0 mm/+10 mm para a frente.

Nova BMW S 1000 R
Nova BMW S 1000 R
Imagem: Divulgação

Movimentando todo o conjunto está novo motor 4 cilindros compartilhado com a S 1000 RR mais recente. Ele entrega 167 cv a 11.000 rpm e 11,6 kgfm de torque. A faixa de rotação do motor foi ampliada, explica a BMW, para tornar a condução da S 1000 R mais completa e harmoniosa, somando tudo isso a uma curva de torque particularmente linear. A fim de reduzir os níveis de ruído e consumo de combustível, especialmente em velocidades de cruzeiro, a 4ª, 5ª e 6ª marchas agora têm relações mais longas. A nova S 1000 R traz embreagem reforçadas é equipada pela primeira vez com o controle de torque do motor (MSR). Oferecido como um opcional, o sistema evita o escorregamento da roda traseira como resultado de uma aceleração abrupta ou uma redução de marcha.

Nova BMW S 1000 R
Nova BMW S 1000 R
Imagem: Divulgação

A nova S 1000 R também toma emprestado da irmã carenada o novo painel de instrumentos e traz um conjunto de iluminação totalmente em LED. 

Procurada pelo Motoo, a BMW informou que não tem previsão de quando as duas novidades passarão a ser oferecidas no mercado brasileiro.

 
Assine a newsletter semanal do AUTOO!

Tudo sobre a BMW G 310 R

BMW G 310 R