BMW apresenta sua primeira moto M: a M1000RR

Com foco nas pistas e no alto desempenho, novidade traz a filosofia da divisão Motorsport da marca para as duas rodas
BMW M1000RR ao lados dos novos M3 e M4

BMW M1000RR ao lados dos novos M3 e M4 | Imagem: Divulgação

A Motorsport é a divisão da BMW responsável pelos carros de alto desempenho da empresa, como o icônico M3. Agora, a marca bávara pela primeira vez aplica essa filosofia à divisão Motorrad e apresenta a inédita M1000RR, versão mais preparada da atual esportiva S1000RR. É a primeira moto “M” da história e a estratégia pode se estender em breve a mais modelos de duas rodas. No entanto, o modelo focado para o uso em pistas não teve os preços revelados.

Uma das principais alterações da BMW M1000RR em relação à S1000RR está no motor. Na prática, ainda é o mesmo bloco de quatro cilindros em linha com 999 cm³ e arrefecimento a líquido. A divisão M acrescentou comando de válvulas variável, pistões Mahle redesenhados e taxa de compressão elevada para 13,5:1. As bielas passam a ser de titânio, mais leves.

Saiba mais: BMW define preço do pacote M para a S1000RR no Brasil

BMW M1000RR apresentada na Europa
BMW M1000RR apresentada na Europa
Imagem: Divulgação

Os coletores de admissão também foram retrabalhados e faz-se uso de um escapamento de titânio fornecido pela Akrapovic, além de materiais mais nobres e leves para o comando de válvulas. Com isso, a M1000RR é capaz de entregar 212 cv de potência a 14.500 rpm, ou 5 cv a mais em relação à S1000RR. Para conter a velocidade, são usados os freios da M, desenvolvidos pela própria marca em competições de modo a garantir maior resistência à fadiga e proporcionar maior controle ao piloto. As pinças M são pintadas de azul.

Além de um extensivo uso de fibra de carbono no quadro e em alguns componentes, a moto adotou também asas aerodinâmicas nas laterais da carenagem para melhorar o comportamento em altas velocidades, gerando mais pressão do ar empurrando a M1000RR contra o asfalto. Os apêndices contaram com desenvolvimento em túnel de vento.

Entre os itens de série, a BMW M1000RR contará com painel de instrumentos digital com tela colorida e quatro modos de condução, sendo o mais nervoso, o Race, com três níveis customizáveis de entrega de potência e de regulagem do freio motor. O modelo tem ainda quickshifter bidirecional, controle de largada, controle de empinada e assistente de partida em rampa.

BMW M1000RR apresentada na Europa
BMW M1000RR apresentada na Europa
Imagem: Divulgação
Assine a newsletter semanal do AUTOO!

Tudo sobre a BMW S 1000 RR

BMW S 1000 RR