A BMW Motorrad bateu recorde de vendas em 2018. Ao todo, nos países em que está presente, foram 165.566 unidades comercializadas, um aumento de 0,9% comparando com 2017 (164.153). Segundo a fabricante, esse foi o oitavo ano consecutivo de aumento nas vendas, resultado da consolidação de novos modelos no mercado internacional. 

Os mercados norte-americano e europeu foram os responsáveis pelo bom resultado. Só na Alemanha foram vendidas 23.824 unidades; na França 16.615; Itália ficou com 14.110; Estados Unidos comercializaram 13.842; a Espanha aparece em quinto lugar, com 11.124. Reino Unido e Irlanda registraram 9.224 motos comercializadas.

Mas os olhos da BMW estão voltados para o mercado asiático, pois na China o aumento nas vendas foi de 35%, computando 7.561 motos vendidas. Considerando que há um mercado com mais de 1 bilhão de pessoas por lá, ainda há muito para crescer na terra de Mao Tsé Tung.

Entre os modelos mais vendidos, a linha R segue na liderança interna com folga, anotando 84,5 mil unidades. A GS registrou 51 mil motos. As motocicletas abaixo de 500 cilindradas, como a G 310 R e GS, ficaram com apenas 24.363 emplacamentos em 2018. Com novos modelos, como a Maxi Scooter, por exemplo, a fabricante tem a meta de atingir 200 mil motos vendidas em 2020.  

Redação

|