Britânico constrói moto com dois motores de Hayabusa

Sim, você não leu errado. São dois motores de Hayabusa unidos formando um bizarro motor V8 de 486 cv
Acima a exótica Eisenberg V8

Acima a exótica Eisenberg V8 | Imagem: Reprodução internet

Zef Eisenbeg é um britânico que já conquistou alguns recordes de velocidade, mas ele também gosta de construir motos rápidas. A última invenção dele, a Eisenberg V8, é uma motocicleta que foge um pouco do convencional, não só por trazer um motor V8, mais utilizado em carros devido ao tamanho, como também pela forma que seu construtor chegou ao formato final desse propulsor.

Construída a partir de dois motores de Suzuki Hayabusa e alojada em uma estrutura de treliça de aço personalizada, a moto é bem diferente de outros modelos. Em entrevista ao site Motorcycle News, Eisemberg declarou que “sempre quis colocar um motor V8 em uma motocicleta. Sabia que não era a primeira a ser feita, mas queria ter um motor mais compacto”.

A partir da ideia, Eisemberg juntou dois cabeçotes completos e cilindros de dois motores de Hayabusa a um bloco forjado artesanalmente. O resultado é que a Eisemberg V8 é capaz de entregar nada menos que 486 cv de potência a 10.500 rpm. Para evitar vibrações e entregas de torque desequilibradas, foi instalada uma embreagem que opera em rotação contrária com a do virabrequim.

De acordo com o criador, o novo motor deu trabalho para ficar pronto principalmente porque esquentava muito: “O verdadeiro desafio desde o início do projeto há quatro anos era que não percebemos a quantidade de trabalho necessária para a reduzir o calor. Para resolvê-lo, colocamos um radiador por baixo, que foi projetado para resfriar em baixa velocidade, assim como um na frente para altas velocidades”.

Assine a newsletter semanal do AUTOO!

Tudo sobre a Suzuki GSX1300

Suzuki GSX1300
Tags