Confira o ranking parcial de motos mais vendidas de 2019

Motos da Honda seguem nas primeiras posições e apenas a Yamaha conseguiu figurar entre as 10 mais
Linha 2018 da Honda CG 160

Linha 2018 da Honda CG 160 | Imagem: Divulgação

O ano de 2019 está se encerrando e os dados mais recentes da Fenabrave (Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores) mostram que, mais uma vez, a Honda CG 160 deverá encerrar este ano como a líder de comercialização em nosso país.

No acumulado do ano até esta segunda-feira (30), a líder repetiu um comportamento que apareceu mês a mês, emplacando mais que a soma da segunda e da terceira colocadas, que também são produtos da Honda: a CUB Biz e a trail Bros. Depois do pódio, seguem mais três produtos da marca, respectivamente: a Pop 110i, a Twister 250 e o scooter PCX 150, mais vendido do Brasil em sua categoria.

O primeiro modelo não fabricado pela Honda no ranking é a street Yamaha Fazer 250, na sétima colocação. Ainda podem ser vistas mais duas motocicletas da marca dos três diapasões: a trail Crosser 150 está em nono lugar, seguida pela urbana Factor 150.

Embora falte ainda um dia útil para completar o ano, é pouco provável que haja mudanças nessas posições, exceto entre a Fazer 250, XRE 300 e XTZ 150 Crosser, que mantêm uma distância pequena no ranking.

Confira a parcial com as 10 motos mais vendidas de 2019:

1) Honda CG 160 - 306.962 unidades
2) Honda Biz - 155.256 unidades
3) Honda NXR 160 Bros - 121.919 unidades
4) Honda Pop 110i - 102.375 unidades
5) Honda CB 250F Twister - 36.256 unidades
6) Honda PCX 150 - 32.508 unidades
7) Yamaha Fazer 250 - 25.212 unidades
8) Honda XRE 300 - 24.638 unidades
9) Yamaha XTZ 150 Crosser - 24.473 unidades
10) Yamaha YBR 150 Factor - 22.418 unidades

Assine a newsletter semanal do AUTOO!

Tudo sobre a Honda CG 160

Honda CG 160