Documentos divulgam informações sobre nova Kawasaki Ninja 1000 2020

Órgão americano aferiu poluentes do novo modelo e adianta mais detalhes da esportiva
Kawasaki 1000

| Imagem: Divulgação

No começo do mês a Kawasaki mostrou detalhes da linha 2020 da Ninja 650, mas não revelou detalhes sobre a irmã maior, a Ninja 1000. De acordo com a agência de regulamentação ambiental da Califórnia (CARB), a Ninja 1000 receberá para 2020 uma nova versão do motor 1.04AAG, que equipava a motocicleta desde 2017.

Ele foi recalibrado para se ajustar às normas de controle de emissões e mudou de nome, agora o motor da Ninja 1000 é chamado de 1.04AAJ. De resto, continuam os mesmos 4 cilindros em linha e 1043 cc, capazes de entregar 142 cv de potência a 10.000 rpm e 11,3 kgfm de torque a 7.300 rpm.

Segundo o documento, a próxima Ninja 1000 está mais amigável com o meio-ambiente, emitindo 0,1 g/km de hidrocarboneto, 0,1 g/km de hidrocarbeto + óxido de nitrogênio e 0,2 g/km de monóxido de carbono. Para efeito de comparação, o modelo atual produz 0,14 g/km, 0,2 g/km e 1 g/km, respectivamente.

O modelo era esperado para o fim deste ano, mas retornou à mesa dos engenheiros para se adaptar às novas exigências de emissões na Europa, cada vez mais restritivas.

A Kawasaki já anunciou que a Ninja 1000 será lançada em 2020, porém, não há uma data definida ainda. A linha 2019 está disponível em lojas brasileiras a partir de R$ 53.990, segundo o site da marca.

Kawasaki 1000
Kawasaki 1000
Imagem: Divulgação

Assine a newsletter semanal do AUTOO!

Tudo sobre a Kawasaki Ninja 1000

Kawasaki Ninja 1000