Etapa tailandesa da MotoGP atrasa por conta do Coronavírus

Federação Internacional de Motociclismo (FIM) confirmou que a corrida, programada para 22 de março, será postergada
Marc Márquez comemorando a vitória no GP da Tailândia em 2019

Marc Márquez comemorando a vitória no GP da Tailândia em 2019 | Imagem: Divulgação

O Grande Prêmio da Tailândia da MotoGP foi adiado devido ao crescente medo de um surto global de coronavírus. A etapa tailandesa seria realizada no Circuito Internacional de Chang, em Buriram (TAI). Ela seria a segunda corrida do campeonato mundial e ocorreria em 22 de março. No entanto, a FIM (Federação Internacional de Motociclismo) confirmou que o evento não será realizado nesta data devido a preocupações crescentes com a doença.

Em comunicado, a FIM afirmou que "devido ao atual surto de coronavírus, foi tomada a decisão de adiar o GP da Tailândia. Enquanto a doença continua se desenvolvendo, o governo tailandês comunicou que não será possível realizar a corrida em sua data original”.

Ainda não se sabe quando ou se o Grande Prêmio da Tailândia será remarcado. Nas duas últimas temporadas, 2018 e 2019, a corrida ocorreu no início de outubro. A decisão de adiar o Grande Prêmio da Tailândia ocorre menos de 24 horas após o cancelamento da abertura da temporada de MotoGP no Catar, devido a restrições de viagem causadas também pelo Coronavírus. As corridas das categorias de entrada Moto3 e Moto2 ainda continuarão como planejado, pois orque as equipes e pilotos já estão no país do Oriente Médio.

A próxima corrida do calendário de MotoGP após a etapa tailandesa está marcada para o Circuito das Américas, no Texas (EUA). Atualmente, acredita-se que este circuito seja agora a abertura da temporada em 5 de abril, seguido pela etapa na Argentina em 19 de abril.

Marc Márquez e Fabio Quartararo em duelo no GP da Tailândia 2019
Marc Márquez e Fabio Quartararo em duelo no GP da Tailândia 2019
Imagem: Divulgação

Assine a newsletter semanal do AUTOO!