Honda deve mostrar nova CBR 1000 RR Fireblade em Tóquio

Segundo imprensa alemã, nova geração será um dos grandes destaques do salão japonês, no fim de outubro
Alvaro Bautista, atual piloto da Ducati, pode pilotar a nova CBR 1000RR

| Imagem: Ducati

A nova Honda CBR 1000RR Fireblade estará no Salão de Tóquio. Pelo menos é o que crava o site alemão SpeedWeek, que garante que a aguardada nova geração da esportiva será uma das grandes estrelas do evento japonês, entre os dias 24 de outubro e 4 de novembro.

A informação surge logo após você ter conferido aqui no Motoo uma imagem vazada de patente, que mostra que a nova Fireblade terá um interessante sistema de asas móveis. Dependendo da posição do sistema, o fluxo de ar pode ser mais ou menos intenso, melhorando o downforce nas curvas ou diminuindo a pressão aerodinâmica e beneficiando a velocidade da moto nas retas.

A Honda crava que a novidade será a moto com motor quatro cilindros em linha mais potente do mundo. Ou seja, espere por algo mais forte do que os 210 cv da BMW S1000 RR. A atual Fireblade conta com 192 cv.

Nas pistas

Outra informação quente de bastidores é de que a nova Fireblade será a moto da Honda no Mundial de Superbike 2020 e será guiada por ninguém menos do que Álvaro Bautista. O atual piloto da Ducati teve um desempenho espantoso no primeiro terço do campeonato, com 11 vitórias seguidas, mas perdeu terreno ao longo do ano e está insatisfeito com os 91 pontos de desvantagem para o atual campeão e líder do ranking, Jonathan Rea.

Caso a especulação seja concretizada, Bautista e a nova CBR 1000RR Fireblade terão a difícil missão de recolocar a Honda no topo do Mundial de Superbike após 13 anos de insucesso – o último título veio em 2007, com James Toseland.

Assine a newsletter semanal do AUTOO!

Tudo sobre a Honda CBR 1000RR

Honda CBR 1000RR