A Pop 110, moto mais barata do Brasil (R$ 5.790), registrou ótimas vendas não só no Nordeste e Norte, que concentram 70% e 22,5% das vendas da motocicleta, respectivamente. No ano passado, a região da Grande São Paulo foi responsável pelo crescimento de 70% no emplacamento de Pop 110 e Belo Horizonte também contribuiu, com aumento de 27% em relação a 2017 (apenas no período de janeiro a agosto).

O preço chama atenção, mas a economia também. A moto faz 50 km/l com seu motor de 110 cm³, injeção eletrônica e seus 7,9 cv. Já foram produzidas mais de 1 milhão de unidades no Polo Industrial de Manaus nesses 13 anos. Para comemorar tal sucesso nas regiões Norte e Nordeste, a Honda criou um Cordel, chamado Conquistando a Popzinha, e disponibilizou as histórias em seu instagram @hondamotosbr.

A história escrita pelos artistas pernambucanos Pedro Melo e Lucas Uellendahl conta, no primeiro episódio, a história de Silverinho e sua amada, Joana Beatriz. "A Pop é uma moto genuinamente brasileira, desenvolvida exclusivamente para o nosso mercado. Ela nasceu com o objetivo de levar mobilidade e praticidade para o dia a dia das pessoas a um custo acessível. Há 10 anos no mercado, o modelo encurtou as distâncias, principalmente nas regiões Norte e Nordeste do País. E para lançarmos a versão 2019, que recebeu novo sistema de freios e detalhes no design, utilizamos a literatura de cordel como inspiração. A campanha está tão poética quanto a transformação que a Pop proporciona na vida das pessoas, e estamos muito orgulhosos do resultado", diz Odair Dedicação Junior, gerente de Marketing da Honda Motos.

Vinicius Montoia

Formado pela PUC-SP em jornalismo, Vinicius já atua no setor automobilístico desde 2013. É criador do canal Narração Esportiva do Youtube, projeto que conta a história dos maiores narradores esportivos do país

Vinicius Montoia | https://www.youtube.com/channel/UC2lKRtZdmSdMRJZ8Pim78Fw

Veja mais notícias da marca