KTM renova a 125 Duke, sua menor moto

Dentro da família de nakeds da austríaca, o modelo de entrada ganhou uma nova geração que foi apresentada para o mercado indiano
KTM 125 Duke 2021

KTM 125 Duke 2021 | Imagem: Divulgação

No Brasil, a família Duke de esportivas sem carenagem da KTM é composta apenas pelos modelo 200 e 390. E se você achou isso pouco, na Índia, a moto é oferecida com motor 125. Agora, o mercado indiano recebeu uma nova geração para a KTM 125 Duke, com importantes melhorias e custando a partir de 150.000 rúpias, ou cerca de R$ 10,3 mil na conversão direta da moeda. Para comparação, a 200 Duke vendida por aqui sair por R$ 19.990.

A pequena está de cara nova, adotando a linguagem visual que a KTM passou a usar na 1290 Super Duke em 2016 e que chegou para a 390 Duke em 2017 e para a 200 Duke em 2019. Agora, a 125 Duke tem exatamente os mesmos painéis da carroceria, estrutura de treliça de aço e subestruturas das motos maiores. 

A menor Duke fabricada também recebe um farol angular com luzes diurnas de LED. A KTM também passou a adotar um tanque de combustível maior, agora confeccionado com aço, ante a peça plástica da geração anterior. No que diz respeito ao desempenho, a KTM 125 Duke é equipada com um monocilíndrico de 124 cm³ gerando 14,3 de potência e 1,2 kgfm de torque.

Apesar de ser uma moto pequena e considerada uma “premium de entrada” no mercado indiano, ela traz soluções até que sofisticadas para o segmento das 125. A 125 Duke já tem transmissão de seis velocidades. Além disso, conta com suspensão dianteira telescópica de garfo invertido e rodas de liga leve de 17 polegadas.

KTM 125 Duke 2021
KTM 125 Duke 2021
Imagem: Divulgação
Assine a newsletter semanal do AUTOO!