A era das motos elétricas está chegando, mas quem disse que não vai ser divertido? Criada pela Lightning Motorcycles, a Strike é uma moto esportiva, extremamente agressiva, que será vendida em três configurações. Quando olhamos para ela pela primeira vez vemos uma moto convencional, exceto pela falta de escapamento.

A família Strike começa com o padrão "Standard" que possui bateria de 10 kWh, que oferece autonomia de 112 km na estrada e 160 km na cidade. Os preços começam em 12.998 dólares (R$ 50.700) e ela entrega 90 cv e 24,8 kgfm de torque.

A versão intermediária "Mid-Range" utiliza bateria maior com 15 kWh de capacidade, percorrendo 169 km em estradas e 241 km em trecho urbano. Apesar da bateria, a potência e torque são os mesmos da Standard, mas seu preço é 3 mil dólares mais caro.

A top de linha Carbon Edition, com bateria de 20 kWh, entrega autonomia muito superior: 321 quilômetros na cidade. São 120 cv de potência e 24,8 kgfm de torque, custando R$ 19.998 dólares (R$ 78.000).

Nos Estados Unidos os modelos Standard e Mid-Range vão ser vendidos com carregadores de 3.3 kW, tendo como opcional um carregador de 6.6 kW por mais 1.500 dólares. Já a Carbon Edition virá com o carregador mais potente, cujo pacote não para por aí: ela pode ter ainda freios Brembo e suspensões Öhlins. Segundo a marca, a produção dos modelos em fibra de carbono começa em julho deste ano, com outras motos à caminho. Elétricas e divertidas.

 
 
Kasinski Soft 50 2004
 
Kasinski Soft 50 2004
Kasinski Soft 50 2004
Kasinski R 1200 RT 2006
 
Kasinski R 1200 RT 2006
Kasinski R 1200 RT 2006
Kasinski G 310 GS 2001
 
Kasinski G 310 GS 2001
Kasinski G 310 GS 2001
 
 
Vinicius Montoia

Formado pela PUC-SP em jornalismo, Vinicius já atua no setor automobilístico desde 2013. É criador do canal Narração Esportiva do Youtube, projeto que conta a história dos maiores narradores esportivos do país

Vinicius Montoia | https://www.youtube.com/channel/UC2lKRtZdmSdMRJZ8Pim78Fw