MV Agusta renova a Brutale 800 RR

Naked esportiva da marca italiana recebe alterações para o motor, câmbio e suspensão, além aperfeiçoar a eletrônica
MV Agusta Brutale  800 2021

MV Agusta Brutale 800 2021 | Imagem: Divulgação

A MV Agusta anunciou a chegada da linha 2021 um dos seus modelos mais bem sucedidos, a Brutale 800 RR. A moto passou por atualizações no motor, na estrutura e na eletrônica embarcada. A ideia, conforme a fabricante, é apostar na eficiência energética e na facilidade de operação. Os preços ainda não foram definidos, mas a novidade será oferecida nas versões Rosso e SCS.

O motor da MV Agusta passou a atender às normas Euro 5 de emissões. Para isso, o propulsor tricilíndrico de 798 cm³ recebeu sistema de escape reprojetado e com revestimento das partes internas para reduzir o atrito entre as peças. Mesmo com as mudanças, a marca afirma que a potência da nova Brutale é de 112 cv na versão Rosso e de 140 cv na SCS. O câmbio também passou por aperfeiçoamentos na embreagem e no quickshifter.

Na parte eletrônica, a MV Agusta Brutale 800 RR 2021 recebe um controle de tração reconfigurado para melhorar a atuação em curvas. Por conta do uso de um novo sensor inercial de seis eixos, também foi possível atualizar os módulos de controle do ABS e do controle de largada.

Enquanto a MV Agusta Brutale 800 RR 2021 manteve componentes como chassi, rodas e freios, o que melhorou foi a rigidez torcional de sua estrutura. Além disso, a montadora italiana revisou as buchas da suspensão para tornar o rodar mais confortável, além de introduzir uma nova calibração para os amortecedores dianteiros como forma de ajudar na estabilidade.

MV Agusta Brutale  800 2021
MV Agusta Brutale 800 2021
Imagem: Divulgação
Assine a newsletter semanal do AUTOO!

Tudo sobre a MV Agusta Brutale 800

MV Agusta Brutale  800