Norton apresenta a Superlight SS sobrealimentada

Com extenso uso de fibra de carbono, marca consegue redução de 47% no peso da moto, que agora tem 158 kg
Norton Superlight SS

Norton Superlight SS | Imagem: Divulgação

A clássica marca britânica Norton anunciou a chegada nos mercados internacionais da Superlight SS. Trata-se de uma série especial e limitada a 50 unidades do modelo esportivo da empresa. Além de um extenso uso de fibra de carbono para reduzir o peso, a marca também lançou mão de sobrealimentação para aumentar a potência do motor. Cada unidade da moto custará 49.995 libras esterlinas (cerca de R$ 268 mil).

O motor de 650 cm³ de dois cilindros paralelos recebeu um turbo para aumentar a entrega de potência, que foi de 106 cv na Superlight convencional para 177 cv na versão SS. Além disso, a transmissão incorporou o sistema “quick shift”, que permite efetuar trocas de marcha sem a necessidade de se aliviar o acelerador ou usar a embreagem.

Para conseguir a redução de peso, a Norton lançou mão de novas tecnologias. No lugar do chassi de alumínio da Superlight convencional, a SS usa fibra de carbono para a fabricação do componente. Com isso, a marca afirma ter atingido uma redução de 47% no peso. A Superlight SS tem peso a seco declarado de 158 kg.

Assim, a relação peso x potência chega a 0,89 kg por cavalo. Os sistemas de suspensão e freios são os mesmos das versões convencionais. Os amortecedores são da marca Öhlins modelo NIX30 na dianteira e TTXGP na traseira. Os freios são a disco nas duas rodas fabricados pela Brembo. 

Assine a newsletter semanal do AUTOO!