Oficial: Ducati revela a Panigale V4 Superleggera

Série especial terá como opcional a possibilidade de se pilotar um protótipo da Moto GP nas pistas
Ducati Panigale V4 Superleggera

Ducati Panigale V4 Superleggera | Imagem: Divulgação

A Ducati revelou a série especial da Panigale V4, a Superleggera. A moto já teve diversas informações e imagens vazadas e tudo o que foi dito anteriormente sobre a motocicleta que terá apenas 500 unidades produzidas acabou por se confirmar oficialmente. No entanto, a marca não divulgou os preços da novidade.

O peso a seco da moto é de 152 kg quando equipada com o kit para as pistas. Ele eleva a potência máxima para 237 cv a 15.500 rpm com o sistema de escape esportivo da Akrapovic. Com ele, o torque chega a 12 kgfm a 11.750 rpm. Sem o kit de corrida, a Superleggera V4 tem peso seco de 159 kg e o motor de quatro cilindros em V de 998 cm³ alcança 227 cv de potência a 15.250 rpm e torque máximo de 11,8 kgfm também a 11.750 rpm.

A moto fez uso extensivo de fibra de carbono: chassi, carenagem, rodas e os apêndices aerodinâmicos foram construídos com esse material e vieram da Desmosedici GP16, moto utilizada pela Ducati na temporada 2016 da Moto GP. Os grafismos, por outro lado, são inspirados pela Desmosedici GP19, que competiu no Mundial de Motovelocidade no ano passado.

O conjunto de freios é da Brembo, com dois discos de 330 mm na dianteira, enquanto na traseira há um disco de 245 mm. A suspensão dianteira traz garfo invertido Öhlins ajustável, enquanto a traseira é equipada com amortecedor único ajustável, também da Öhlins. A balança traseira também é feita de fibra de carbono.

O pacote eletrônico, como era de se esperar, é completo. Tem quickshifter bidirecional, que permite a troca de marchas para cima ou para baixo sem embreagem ou aliviar o acelerador, modos de pilotagem, modos de potência, controle de tração atuante em curvas, controle de freio motor, controle de largada e limitador de velocidade em pitlane, afinal, é praticamente uma moto de corrida.

A Ducati oferecerá para 30 dos 500 compradores da nova Panigale V4 Superleggera um opcional diferente. Em vez de equipamentos ou acessórios, por 20% do valor da moto e mais 4.000 euros (cerca de R$ 18,7 mil), os interessados poderão dar uma volta na Desmosedici GP 20, moto com a qual a marca competirá na edição 2020 da Moto GP. 

 
Assine a newsletter semanal do AUTOO!