Vettel dá rolê de scooter Suzuki na pista, e leva multa mais cara que valor do modelo

Alemão terá que desembolsar 5 mil euros por infração, quase o dobro do valor do scooter Address 110
Sebastien Vettel anda de scooter no GP da Austrália

Sebastien Vettel anda de scooter no GP da Austrália | Imagem: Reprodução

Um fato inusitado aconteceu com Sebastian Vettel durantes os treinos de sexta-feira (8) para o GP da Austrália de Fórmula 1. O piloto foi multado em 5 mil euros por rodar na pista com um scooter Suzuki Address depois de precisar parar seu Aston Martin AMR22 devido a problemas mecânicos.

Após o final do TL1, o alemão pegou o scooter emprestado de um dos comissários e saiu para dar um rolê ao invés de voltar para os boxes. Em seu perfil no Twitter, a Fórmula 1 chegou até a brincar com o caso comentando que aquelas cenas seriam "o final mais icônico de uma sessão de treinos que podemos lembrar". Veja Vettel andando de scooter na Austrália:

No entanto, depois de uma avaliação da organização do compeonato, Vettel foi multado por infringir o regulamento da Fórmula 1.  “Vettel subiu na scooter, esperando que o comissário subisse atrás dele. Como não conseguiu subir, o Vettel partiu sozinho para a box, sem autorização prévia para o fazer. Enquanto isso, o comissário estava tentando entrar em contato com o Controle de Corrida para obter instruções", disse a organização.

Vettel leva multa ao andar de moto
Vettel leva multa ao andar de moto
Imagem: Reprodução

A organização ressaltou que é proibido que qualquer pessoa acesse a pista no período de 5 minutos após uma sessão.

Multa salgada

O resultado é uma multa equivalente a mais de R$ 25.800 (cotação do dia), o que é bem mais caro do que o valor do próprio scooter. O veículo utilizado por Vettel é um scooter Suzuki Address 110, que não é comercializado no Brasil. O modelo custa 3.890 dólares australianos por lá, algo em torno de R$ 13.700, ou seja, a infração custou quase o dobro do valor do modelo.   

Suzuki Adress 110
Suzuki Address 110
Imagem: Suzuki