Fábrica da Watts para elétricas no Brasil terá capacidade de 50 mil motos por ano

Linha de produção em Manaus está prevista para entrar em funcionamento em agosto; W125, modelo elétrico que "anda como 125 à gasolina", será nacionalizada
Watts W125 elétrica

Watts W125 elétrica | Imagem: Watts Mobilidade

A Watts Mobilidade planeja inaugurar sua fábrica em Manaus no início do 2º semestre de 2022. Depois de ser adquirida pelo grupo Multilaser, em negócio de 10,5 milhões, os próximos passos da empresa para expandir seus negócios envolvem o lançamento da moto W125 e a nacionalização de produtos.

A exemplo da Voltz, que deve iniciar a produção local ainda no primeiro semestre, a Watts escolheu a capital do Amazonas para lançar mão dos benefícios tributários da Zona Franca de Manaus, o que faz com que as principais montadoras, como Honda, Yamaha e outras tenham fábricas por lá; apenas a Shineray, no Pernambuco, aparece como exceção.

"Nossa fabrica esta sendo montada com capacidade inicial de 50 mil unidades ao ano, com precisão de inicio em agosto deste ano já", disse Rodrigo Gomes, fundador e CEO da Watts Mobilidade, que segue no comando da empresa após a compra por parte da Multilaser.

Watts E-125
Watts E-125
Imagem: Watts

O Voltz, por sua vez, anunciou volume de 15 mil unidades por mês em sua planta em Manaus. Por enquanto, as unidades da W125 e de outros veículos elétricos de mobilidade oferecidos pela Watts estão chegando ao país via Extrema (MG), onde está o centro de distribuição da Watts.

Como é a Watts W125?

A W125, que também já foi chamada de E-125, tem esse nome justamente em referência a utilitárias de 125 cc. De acordo com a startup, o modelo elétrico terá desempenho equivalente ao de uma moto 125. Em seus dados técnicos divulgados, a W125 pode alcançar uma velocidade máxima de 95 km/h e autonomia de até 150 km - quando equipada com duas baterias (saiba mais detalhes sobre o modelo aqui). 

Watts E-125
Watts E-125
Imagem: Watts

MAIS DO MUNDO MOTO

Conheça a moto elétrica que usa nióbio e promete recarga em até 10 minutos