Yamaha confirma fim da Super Ténéré 1200 no Brasil

Depois de ser descontinuada na Europa, grande aventureira da marca dos três diapasões deixa de ser oferecida por aqui
Yamaha Super Ténéré 1200 2015

Yamaha Super Ténéré 1200 2015 | Imagem: Divulgação

No final de novembro, uma má notícia chegou para os fãs das bigtrails. A Yamaha anunciou que a Super Ténéré 1200 deixaria de ser comercializada por não atender às rígidas normas Euro 5 de emissões de poluentes por lá. Como a moto também é fabricada no Brasil, havia uma esperança de que ela permanecesse por mais tempo em nosso mercado.

No entanto, a Yamaha do Brasil confirmou hoje que também deixou de produzir a Super Ténéré 1200 para o mercado brasileiro. Em comunicado, a marca afirmou que “seguindo uma estratégia global e considerando-se as novas tendências e regulamentações, a Yamaha Motor do Brasil, assim como as subsidiárias presentes em outros países, deixará de produzir o modelo Super Ténéré 1200 DX ABS”.

O informe continuou dizendo que “após ter conquistado uma legião de fãs em 10 anos de mercado no Brasil, o lendário modelo deixará saudades. Conhecida e respeitada por sua robustez, a maxitrail da Yamaha se tornou sinônimo da motocicleta perfeita para grandes viagens, sem restrições de distâncias e nem tampouco das condições das estradas e caminhos a percorrer”.

Em seus últimos dias no Brasil, a Yamaha Super Ténéré era oferecida por aqui apenas na versão DX, que custava a partir de R$ 71.290 segundo o site nacional da empresa. Seu motor bicilíndrico tinha 1.199 cm³ de capacidade. Ele entregava 112 cv de potência máxima a 7.250 rpm e torque máximo de 11,9 kgfm a 6.000 rpm.

Assine a newsletter semanal do AUTOO!

Tudo sobre a Yamaha Super Ténéré 1200

Yamaha Super Ténéré 1200