Yamaha descontinua a SR400, sua moto retrô barata

Modelo foi lançado em 1978 e deixará de ser oferecido no Japão. Moto ganhará série especial de despedida
Yamaha SR400 Final Edition

Yamaha SR400 Final Edition | Imagem: Divulgação

Atualmente, o mercado de clássicas modernizadas está em alta. Marcas como a Royal Enfield e Triumph são apenas duas das empresas que estão ganhando público graças a tal abordagem e apostando nesse nicho. No entanto, existe algo mais retrô que uma moto fabricada há nada menos que 43 anos ininterruptos?

É o que está acontecendo no Japão. A Yamaha anunciou que deixará de fabricar a SR400, moto que foi originalmente lançada em 1978 e, desde então, sofreu poucas alterações em seu visual. Para não deixar o fato passar em branco, a marca dos três diapasões lançará séries especiais de despedida para o modelo.

Saiba mais: XSR 155 é a nova opção retrô barata da Yamaha

Disponíveis apenas para o mercado japonês, as edições limitadas da SR400 também tiveram seus preços divulgados pela Yamaha para aquele mercado. A Final Edition custará 605.000 ienes, cerca de R$ 31 mil na conversão direta da moeda, enquanto a Limited sairá por 748 mil ienes, ou aproximadamente R$ 38.000. A primeira tem pintura exclusiva e placa comemorativa e a segunda terá apenas 1.000 unidades fabricadas.

A Yamaha SR400 também manteve o motor desta moto clássica com poucas alterações. O modelo chegou a ter versões de 400 cm³ e 500 cm³ e em seus últimos dias adotava um monocilíndrico de 399 cm³ arrefecido a ar que produz 23 cv de potência e 2,9 kgfm de torque. O câmbio é mecânico de cinco velocidades. Dotada de instrumentos analógicos e lâmpadas  halógenas, a moto não tinha sequer partida elétrica.

Yamaha SR400 Final Edition
Yamaha SR400 Final Edition
Imagem: Divulgação
Assine a newsletter semanal do AUTOO!