5 marcas de motos que não estão no Brasil (e fazem falta)

Aprilia, India, Bajaj, CFMoto e Keeway são fabricantes de renome mundial que não vendem suas motos no país
Keeway RKF 125

Keeway RKF 125 | Imagem: Keeway

Aprilia, Indian e Bajaj, você já deve ter ouvido falar desses nomes. São fabricantes de motos de sucesso no exterior, mas, infelizmente, não estão presentes no Brasil na atualidade. Entre idas e vindas, muitas marcas vieram e foram embora do país, e outras nunca tocaram os pés aqui.


O mercado brasileiro de motos é encarado como difícil por executivos do setor por diversos motivos que vão desde o custo de produção e tributação até as dimensões continentais. Ao mesmo tempo, é um dos maiores do mundo e quem consegue superar os desafios tem uma vasta quantidade de consumidores. 

Motos 2022: veja 10 modelos esperados para o Brasil


Com o passar dos anos, muitas fabricantes de motos já apostaram no país, e depois se retiraram, como é o caso da americana Indian. Outras, como a chinesa CFMoto nunca estiveram de fato por aqui.


Para mostrar que o mundo vai além das conhecidas Honda, Yamaha e companhia, o MOTOO preparou uma lista com marcas que não estão no Brasil, mas têm produtos atraentes:


CFMoto

Com uma boa penetração em mercados como o europeu, a chinesa CFMoto comercializa quadriciclos atualmente no Brasil; inclusive, há montagem em Manaus. Mas existem produtos interessantes também em sua linha de duas rodas. São modelos modernos que vão da baixa clindrada até 800 cc.  

Keeway RKF 125
Keeway RKF 125
Imagem: Keeway


Bajaj

De nossa lista, a indiana Bajaj é a que está mais próxima de “fincar os pés” no Brasil. Não é segredo para ninguém que a marca planeja vender suas motocicletas no país e montar uma fábrica em Manaus. A empresa tem parcerias de produção com  KTM e Triumph, e modelos próprios que vão de 100 cc a 400 cc. 

Bajaj Pulsar 200
Bajaj Pulsar 200
Imagem: Divulgação


Aprilia

Essa é uma grande conhecida dos fãs de motos devido a suas motos icônicas e presença atual na MotoGP. Sua linha tem opções que vão de scooters a esportivas, mas também há destaque para aventureiras. O recente lançamento Tuareg chamou atenção no EICMA 2021. 

 

Aprilia Tuareg 660 2022
Aprilia Tuareg 660 2022
Imagem: Divulgação

Indian

A americana possui modelos bem bonitos e estilosos, com ótimo acabamento. Em seu portfólio, oferece motos que batem de frente com a Harley-Davidson, mas também criações mais autênticas, como a custom mais esportiva Scout. A passagem da empresa no Brasil durou de 2015 a 2018, com a despedida causada por desempenho baixo nas vendas. 

Indian Scout Bobber 2020
Indian Scout Bobber 2020
Imagem: Divulgação


Keeway

Em 2013, a chinesa Keeway armou certo alvoroço no Salão Duas Rodas. Com um dos maiores stands do evento, a marca prometeu a vinda de 13 motos ao país além de trazer também modelos da italiana Benelli. O resultado foi que a empresa deixou o Brasil depois de abrir uma grande loja em São Paulo, e fechar logo depois. 

CFMoto 800MT
CFMoto 800MT
Imagem: CFMoto

VEJA TAMBÉM

Yamaha Ténéré 700 volta aos anos 80 com kit de customização

Análise: qual tipo de moto cansa mais para pilotar?

Assine a newsletter semanal do AUTOO!