Royal Enfield Himalayan é flagrada com novos equipamentos

Sistema de navegação que estreou na Meteor 350 é visto no painel de uma unidade em testes da aventureira
Flagra mostra sistema de navegação no painel da Himalayan

Flagra mostra sistema de navegação no painel da Himalayan | Imagem: Reprodução / Gaadiwaadi

A Royal Enfield Himalayan 2021 foi apresentada no mercado brasileiro no final do ano passado. A montadora, porém, permanece trabalhando em atualizações para a moto. Na Índia, a Meteor 350 estreou o sistema de navegação Tripper, equipamento que deve se tornar item de série em mais motos da marca indiana.

Um flagrante publicado pelo site Gaadiwaadi exibiu uma Himalayan em testes e um detalhe no painel chamou a atenção. Uma olhada mais atenta mostra a tela do Tripper montada na lateral, indicando que ele deve se tornar equipamento de fábrica na próxima atualização da aventureira que ajudou a popularizar a marca no Brasil.

Saiba mais: veja os detalhes da Royal Enfield Meteor 350, que chega ao Brasil em 2021

Ainda não há data certa para a novidade chegar, uma vez que a linha 2021 tem pouco tempo de produção na Índia. Mas certamente deverá fazer parte das mudanças para a linha 2022 da moto. No sistema Tripper, usa-se o Google Maps em conjunto a um aplicativo da Royal Enfield para projetar instruções passo-a-passo da navegação em uma pequena tela dedicada no painel.

No demais, não são esperadas mais mudanças para a Himalayan. No Brasil, a linha 2021 da aventureira chegou com novas opções de cores, pisca-alerta e a possibilidade de se desligar o sistema de ABS. Ela é comercializada por aqui custando a partir de R$ 19.390 e traz sempre um motor monocilíndrico de 411 cm³ com arrefecimento de óleo e comando de válvulas simples no cabeçote. Ele entrega 24,5 cv de potência e 3,2 kgfm de torque.

Royal Enfield Himalayan 2021
Royal Enfield Himalayan 2021
Imagem: Divulgação
Assine a newsletter semanal do AUTOO!

Tudo sobre a Royal Enfield Himalayan

Royal Enfield Himalayan