Triumph elétrica: veja como ficou versão final do modelo para testes

Projeto teve inicio em 2019 e conta com parceria com divisão da equipe de Williams de Fórmula 1. Pela primeira vez, fotos do protótipo de 174,3 cavalos são reveladas
Triumph TE-1: primeira moto elétrica da marca britânica

Triumph TE-1: primeira moto elétrica da marca britânica | Imagem: Triumph

A Triumph revelou nesta terça-feira (8) a versão real da TE-1, sua primeira moto elétrica. Desde 2019, quando anunciou o projeto, a empresa havia divulgado apenas desenhos do modelo. 

Com as primeiras fotos, agora é possível ver com mais detalhes como deve ficar a motocicleta, que segue visual visto na linha de nakeds da empresa, como Speed Triple e Street Triple. Com a conclusão do protótipo, agora a empresa inicia a 4ª fase do projeto, onde a TE-1 será colocada a prova em testes. 

Versão final para testes da Triumph TE-1
Versão final para testes da Triumph TE-1
Imagem: Triumph

O projeto é uma colaboração entre Triumph Motorcycles e a Williams Advanced Engineering, uma divisão da equipe de Fórmula 1. Também trabalha no desenvolvimento da moto a Integral Powertrain Ltd e a WMG na Universidade de Warwick. A pesquisa é financiada pelo Escritório de Veículos de Emissão Zero do Reino Unido por meio do programa "Innovate UK", criado para trabalhos inovadores em engenharia de motocicletas elétricas e tecnologia integrada. 

Triumph TE-1 tem visual que lembra outras nakeds da marca
Triumph TE-1 tem visual que lembra outras nakeds da marca
Imagem: Triumph

"Nossa experiência diz que nesta fase de um projeto não há substituto para realmenta rodar com a moto. Assim, podemos genuinamente desenvolver dirigibilidade, manuseio e características. Temos metas ambiciosas focadas em oferecer uma experiência de pilotagem nova e empolgante, mas, em última análise, intuitiva e familiar", afirmou Steve Sargent, diretor de produtos da Triumph.

Assista vídeo com detalhes sobre a Triumph elétrica:

Motor de alta potência

O desenvolvimento do motor elétrico focou na eficiência, de acordo com Triumph e Williams. Ele é mais compacto e dispensa os grandes cabos de alta voltagem. Com isso, o propulsor pesa apenas 10 kg, bem menos que um motor a combustão. Ele é capaz de entregar 130 kW de potência (174,3 cv), mais que a atual Street Triple RS, que gera 123 cv a partir de um tricilíndrico de 765 cm³.

No modo de carregamento rápido a baterira leva cerca de 20 mintutos para completar 80% da carga, de acordo com dados divulgados pela Triumph.  

VEJA MAIS FOTOS DA TRIUMPH TE-1:

Rabeta da Triumph TE-1 elétrica é bem esportiva
Rabeta da Triumph TE-1 elétrica é bem esportiva
Imagem: Triumph
Correia de transmissão da Triumph TE-1 elétrica
Correia de transmissão da Triumph TE-1 elétrica
Imagem: Triumph
Detalhes do chassi da Triumph TE-1 elétrica
Detalhes do chassi da Triumph TE-1 elétrica
Imagem: Triumph