Novembro: CG 160 perde fôlego; PCX e Elite mantêm ritmo

Com demanda em alta, mas produção ainda mais lenta na pandemia, líder não consegue repetir meses anteriores
Honda PCX

Honda PCX | Imagem: Divulgação

No meio de novembro, um relatório da associação que reúne as fabricantes nacionais de motocicletas (Abraciclo) mostrou que a produção no mês passado estava abaixo do esperado. As empresas alegam que alta demanda e o tempo maior exigido para a fabricação das motos em meio à pandemia estavam gerando tal redução.

Os resultados já foram sentidos na parcial de vendas daquele mês, que apontavam para um número de emplacamentos inferior em novembro do que o visto em outubro. E foi o que de fato ocorreu. No mês passado, a Fenabrave (Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores) registrou o emplacamento de 89.440 motocicletas 0km no Brasil. Número que foi 6,99% inferior ao registrado em outubro: 96.160.

Saiba mais: Honda ADV 150, scooter aventureiro, tem preço definido no Brasil

Na comparação com novembro de 2020, quando 88.418 unidades foram comercializadas, houve crescimento de 1,16%. No acumlado do ano até o mês passado, o total de vendas é de 816.671 motocicletas. Na comparação com igual período de 2019, com 983.434 unidades, o setor permanece em queda de 16,96%.

Com menos motos chegado às lojas, os impactos se concretizaram nos emplacamentos. A moto mais vendida do período, como sempre, foi a Honda CG 160. Porém, com pouco mais de 26 mil unidades comercializadas, a moto ficou relativamente abaixo das quase 30 mil motos vendidas em outubro. O destaque fica para a dupla de scooters da marca, sendo que o PCX emplacou 2.795 unidades, ante 2.849 emplacamentos em outubro. Já o Elite 125 ficou praticamente estável, com 1.482 unidades contra 1.480 no período anterior.

Confira as 10 motos mais vendidas de novembro:

1) Honda CG 160 - 26.040 unidades
2) Honda Biz - 14.426 unidades
3) Honda NXR 160 Bros - 9.715 unidades
4) Honda Pop 110i - 7.401 unidades
5) Honda CB 250F Twister - 3.258 unidades
6) Honda PCX 150 - 2.795 unidades
7) Yamaha YBR 150 Factor - 2.440 unidades
8) Yamaha Fazer 250 - 2.345 unidades
9) Yamaha XTZ 150 Crosser - 2.334 unidades
10) Honda Elite 125 - 1.482 unidades

Honda Elite 125 2019
Honda Elite 125
Imagem: Divulgação
Assine a newsletter semanal do AUTOO!