Nova Africa Twin tem início de vendas promissor, mas fica longe da BMW

Big trail da Honda já acumulou 240 emplacamentos desde maio, quando substituiu o modelo anterior
Honda CRF 1100L Africa Twin 2021

Honda CRF 1100L Africa Twin 2021 | Imagem: Divulgação

Em julho, a Honda comemorou o fato de a estreante CRF 1100L Africa Twin ter esgotado a pré-venda rapidamente. Renovada e mais potente, a big trail também trouxe a opção de transmissão de dupla embreagem além de versões mais preparadas para o off-road.

Pelo lado técnico, a nova Africa Twin realmente convenceu, como mostrou a avaliação do MOTOO, mas e nas vendas, a motocicleta já confirma tanta expectativa gerada?

Em parte sim afinal desde maio, quando a fabricante emplacou os primeiros exemplares antes do lançamento, a CRF 1100L já soma 240 unidades vendidas (até agosto).

É um volume respeitável e que já a colocou à frente das vendas da Triumph Tiger 1200 e da Ducati Multistrada 1260. Mas isso era esperado afinal a Honda possui uma rede de concessionárias mais abrangente que qualquer outra, a despeito de modelos nessa faixa de preço serem vendidos em menos locais.

A Africa Twin, no entanto, não fez sombra para a líder, a BMW R 1250 GS. A big trail mais desejada do mercado brasileiro é um fenômeno nesse sentido. Apenas em agosto foram 589 exemplares, ou mais de 12 vezes o volume de emplacamentos da estreante (73 motos).

Vale lembrar que as versões com câmbio DCT tinham previsão de chegar em agosto e ainda devem fazer os números da Africa Twin crescerem mais. Ainda assim, mesmo toda a força da Honda parece incapaz de fazer sombra à rival alemã. Ao menos até aqui.

Honda CRF 1100L Africa Twin 2021
Honda CRF 1100L Africa Twin 2021
Imagem: Divulgação
Assine a newsletter semanal do AUTOO!

Tudo sobre a Honda CRF 1100L Africa Twin

Honda CRF 1100L Africa Twin